sexta-feira, 29 de junho de 2007
"... O LADO BOM DO CONFLITO ..."
Meninas, vou falar a vocês um assunto que não tem nada a ver com o propósito do blog, mas que pra mim é importante dividir e desabafar um pouco.
A noite de ontem me reservou surpresas complicadas.
Para quem não sabe, eu tenho uma pequena empresa de Recursos Humanos, há 2 anos, junto com minha sócia. Ela, além de minha sócia, é minha amiga, o que, as vezes, torna tudo mais complicado.
Eis que ontem tivemos uma discussão bastante séria.
Tudo bem! Conflito entre sócios é normal, e até enriquecedor. Mas divergências de opiniões e posições completamente contraditórias é bem delicado de ser administrado.
Eu sei, sou uma pessoa extremamente difícil. Tenho uma personalidade forte e para me convencer a mudar de opinião é bem complicado. O pior de tudo, é que ela também é assim. Então ficamos no zero a zero. Não sei como sobrevivemos juntas até aqui.
O assunto em pauta é sério. Dele depende o futuro de nossa sociedade, e talvez por isso que eu tenha colocado o dedo na consciência e relevado algumas coisas.
Opiniões e ações divergentes, como disse, são normais. Ninguém é igual ou pensa sempre parecido. Numa sociedade, ou até na vida pessoal, quando acontece conflitos, o ideal é sabermos trabalhar com eles.
Obvio. É difícil.
Quem já não se estressou ao ser contrariado em uma situação onde tinha a certeza de ter a melhor saída?
Quem já não brigou por uma posição, que parecia errada para os outros, mas que para si, era como uma ideologia?
Quem já não foi contra pai, mãe, cachorro, por agir como acredita, mesmo quando o mundo todo parecia estar contra?
Muitas de nós, talvez.
Mas e aí?
Vamos passar por cima do que acreditamos, vamos baixar a cabeça, vamos abandonar nossos sonhos por causa disso? Não! Certo que não. Fala sério!
Vamos administrar,
Vamos contrabalancear.
Vamos ser espertas.
Por certo que eu ainda não concordo com a posição da minha sócia mas, mesmo assim eu a respeitei e a ouvi. A ouvi, porque temos um objetivo em comum: O Sucesso.
E o sucesso, neste caso, depende do nosso trabalho em conjunto. Depende da nossa capacidade de ceder. Ceder, sem deixar de lado nossa personalidade, é claro. Ceder de forma inteligente.
Talvez, a gente precise disso. De pessoas que vão contra a gente para afirmar e reafirmar nossos objetivos. Pessoas contra a gente para fazermo-nos questionar. Pessoas que nos façam enriquecer e crescer. Pessoas que nos instiguem a ter argumentos sólidos. Pessoas que nos façam brigar pelo que queremos. Ou pessoas que simplesmente nos façam enxergar que é preciso ter a humildade de ceder hoje para colher muito mais amanhã.

Talvez tudo tenha se potencializado poque tenho andado meio ansiosa, com a bandeirinha vermelha que insiste em estar mais branca que lençol de propaganda do OMO. Acho que semana que vem vou ter que ir ao médico (afe!!!), não é normal a bixa estar atrasada há quase 3 semanas...
Mas isto definitivamente não é desculpa para nos afundarmos nas trufas de chocolate (não mais estratégicamente colocadas), que nem umas e outras fizeram esta semana. Sim, eu! Afe!!
Mesmo ansiosa e enlouquecida, tenho que cuidar para não colocar tudo a perder logo agora que minha meta está quase atingida.

Um beijo, lindas. Bom final de semana.
quarta-feira, 27 de junho de 2007
"... INSENE HISTORY ..."
Eu conheci uma menina que tinha o dom de conquistar as pessoas. Por onde ela passava contagiava a todos com o seu bom humor e intensidade. Ela sempre tinha uma palavra amiga pra dizer, sempre se mostrava preocupada com todos, sempre estava presente.
Claro, ela era muito arreada também. Mas eu adorava o seu jeito engraçado de tirar onda, o modo com que ela era capaz de arrancar sorrisos nas horas mais impróprias, o quanto eu ficava leve quando conversava com ela.
Quando conversávamos era uma loucura. As suas histórias, as suas viagens, seus bordões e ensinamentos. Sim, ela dizia que ainda me ensinaria a beber como gente grande. Durante as horas de "Sene Tea Time", era sempre ela que entrava atropelando, que nos fazia chorar de rir, que tornava aqueles momentos sempre divertidos.
Tudo era uma terapia, por mais INSANA que ela seja.
Essa menina um dia pra mim tomou forma. Um rosto lindo, um estilo perfeito. Mas na verdade isso pra mim só acrescentou, pois eu já conhecia e admirava o que estava por trás daquele rosto, muito antes deste torna-se conhecido para mim.
Os fatos se deram e eu descobri que esta forma, na verdade nunca existiu. Descobri de uma maneira diferente, confesso. Na hora fiquei chocada, surpresa, sem entender.
Mas o fato é que independente da forma que esta menina tenha eu gosto dela. Tudo foi um triste engano, eu sei. Mas talvez ela tenha os seus motivos, como todas nós temos para cometer certos atos. Se um dia esta menina voltar, e eu espero que ela não suma, eu realmente espero explicações. Mas se elas não vierem, beleza, não estou aqui para julgar ninguém.
Não estou passando a mão na cabeça e também não estou aqui para comprar briga ou algo do gênero. Cada um tem a sua opinião a respeito desta história. Tranqüilo, nada mais natural. Há quem tenha se sentido mais lesada, há quem consiga passar por cima disso na boa. Só espero que isto não seja motivo de ficar um clima xarope, que isso não seja motivo para nos dividirmos, como num julgamento.
Nós bem sabemos o quanto é ruim sermos julgadas, mal interpretadas e lutamos todos os dias para que isso não aconteça com a gente. Seria no mínimo contraditório, se fizéssemos igual.
P.S : Qualquer semelhança com a vida real, naõ é mera coicidência.
terça-feira, 26 de junho de 2007
"...TREM BALA..."
“Sensação de estar em uma Montanha Russa, quando você sente que está subindo, e não sabe quando e nem como vai descer, já que está de olhos fechados. Misto de excitação e medo. Excitação pela ansiedade de aproveitar a viagem, mas medo por não saber o que se espera quando desembarcar”
É exatamente assim que estou me sentindo nos últimos dias.
Estou com a corda toda, com o nível de adrenalina, endorfina e serotonina a mil. Estou sentindo os meus dias passarem, e não apenas respirando, como antes. Uma vez já disse e torno a dizer que estou em alta velocidade, não sei se quero ir adiante, só sei que não tenho mais opção. Antes eu tinha, agora não. Não consigo parar esse trem.
O meu final de semana foi intenso, como costuma ser. Conversas sérias, cobranças, dúvidas, risos e lágrimas, cenas de novela mexicana. Mas ok, estou bem e continuo aqui. Estou me sentindo viva, como há tempo não costumava me sentir, sinto que aquela menina que não mais era está voltando a ser. Imagino o porquê de tudo isso. Imagino e temo, por vezes. Mas quero viver tudo, independente das suas conseqüências, independente de como vou ter de me virar depois.
Lembrei-me de um trecho do livro Divã, de Martha Medeiros, que dizia mais ou menos assim: “Uma vez, uma amiga minha, mulher feita já, com mais de 30 anos, tinha ido com a irmã visitar um tio ao hospital e ele, repentinamente, faleceu na presença das duas. Elas ficaram sem ação. Viraram-se uma para a outra e a minha amiga disse: Precisamos chamar um adulto. Quando ela me contou, nos fartamos de rir, mesmo entendendo essa sensação de orfandade. Na verdade, não importa que idade tenhamos, há sempre um momento em que é preciso chamar um adulto."
Eu ainda não quero chamar um adulto, apesar de sentir (ou temer) que mais cedo ou mais tarde vou ter de fazer. Antes que eu perceba que o meu certo é errado (o que secretamente eu desconfio que seja), eu vou aproveitar cada minuto, eu vou sorver cada gota de entusiasmo. Depois agente coloca um cliclé e dá um jeito.


sexta-feira, 22 de junho de 2007
"...ANNA DARK NOTÍCIAS...
E eu que esperava que nada mais poderia acontecer no meu “ultraagitado” dia de ontem, eis que a noite me reserva algumas surpresas, boas, ruins e preocupantes.

Começando pela surpresa ruim:
Meninas, pela primeira vez em todo o meu histórico escolar e tirei ZERO em uma prova. Sim! Vocês não leram mal: Z-E-R-O! Tudo bem que fui eu e a “Torcida do Flamengo”. Mais de 80% da turma se deu mal e pelo PCC que estou vendo organizado, quem vai se dar mal vai ser meu professor de Administração da Produção. Então, enquanto o circo não pega fogo, só me resta estudar para a prova de recuperação. Ou seja, final de semana Light (ou não!)

Agora a surpresa boa
Meu professor da faculdade ontem veio me falar que me indicou para trabalhar no Recursos Humanos de uma empresa “superbacana” que ele presta consultoria. \o/ Bah! Fiquei tri feliz, apesar de ter somente agradecido a oportunidade, pois nem em sonho deixaria a minha empresa. Mas valeu para aumentar um pouquinho a auto estima, depois da nota que tirei na outra matéria. Sempre bom quando somos valorizadas como profissionais.

E por fim, a surpresa preocupante:
Meniiiiiiiiiiiinas!!! Estou preocupadíssima com as minhas “regras”. Faz mais de 259743654 que estou na TPM, com cólicas e nada da “bixa” descer... O_O Afe!! Será que vou poder riscar o ítem “”Ser mãe” da listinha das 7 coisas que tenho de fazer antes de morrer? Naaaaaaaa... Deus queira que neste findi tudo se resolva e segunda feira eu já esteja na “bandeira vermelha.” Ah! As trufas de chocolate se mantém intactas em seu local estratégico. Só espero que esta minha ansiedade não me faça consumi-las. *rezando!*


“Sessão Contigo”

Como li em alguns blogs que um dos prazeres fúteis preferidos é saber “ Fofocas”, segue alguns drops do famoso: "Sene Tea Time":

- Estou passando oficialmente o meu posto de "Bebaça no Messene" para a Lady Insene (aplausos!). Sim, Insene. Você que tomou Gim a noite inteira, você com o seu IMC 14, venha até aqui. Suba no palco, pegue a sua faixa e agüente os refletores. Estamos aguardando o discurso e o "Adeusinho de Miss".

- Gostaria de pedir para que seja feito "1 Minuto de Silêncio" em consideração ao estômago da Ana Blues, que acaba de falecer. Sim, Ana Blues com sua "Dieta do Mosqueteiro" e está a 2534786454 dias de No Food e decretou a morte do pobre ontem a tarde. Pêsames, Amiga. Estamos no aguardo do boletim médico do seu Neurônio que está em coma. Ana Blues sem estômago, sem neurônio, pronta para fazer a fotossíntese.

- Entre nós temos mais uma torcedora (ou sofredora) Gremista, Paulinha. Ela recusou o pedido de casamento do namorado, o convite para sair do Rodrigo Santoro, não quis atender o telefonema do Brad Pitt, para ficar até o fim torcendo praqueles “fiadasputa” (hehe!) que perderam de novo para o Boca. Ok! Obrigado pelo o empenho da torcida amiga! Infelizmente não deu. Mas como diz o hino: “Com o Grêmio onde o Grêmio estiver”.

- Agora... “Que rumbem os tambores!!! Com vocês: “ MADAME INDH!” Siiiiiiimmmm, ela está dando consultas particulares sob o slogan: “A solução de seus todos problemas”. Amores mal resolvidos, dificuldades para a perda de peso, perda da sanidade mental e dicas de defesa pessoal é tudo com ela. E agora quem poderá nos defender? “MADAME INDH MERCADO: LIGUE DJÁ!!!”

Acho que é isso, gatinhas. Encerro aqui a "Sessão Contigo” e desejo im ótimo final de semana pra todas vocês.
Ah! Não esqueçam. Não coloquem tudo a perder, façam a diferença: Findi Coca Ligth!

Um B-jão, até segunda!

quarta-feira, 20 de junho de 2007
"... REALIDADE..."

Altura: 1,62m

Peso: 45,1 kg

TPM: Tomando conta

Coeficente Testicular: Nulo

Trufas de chocolate: Em local estratégico

Dúvida: Cedo ou não cedo?
terça-feira, 19 de junho de 2007
"... (RE) A PRAGA DO CHÁ DE SENE..."
7 coisas que tenho que fazer antes de morrer:
1) Casar (em Las Vegas, se for possível)
2) Ter minha lua de mel em Venezza (antes que afunde )
3) Ser mãe
4) Conseguir um mestrado na UFRGS (estou estudando para isso)
5) Fazer minha empresa virar "Top of mind" (não custa nada sonhar)
6) Me sentir bem com o meu peso
7) Conhecer um pessoal aí, pessoalmente (leia-se Ana Blues, Indh, Insane, entre outras...)

7 coisas que mais gosto:
1) Ler e escrever
2) Estudar e trabalhar
3) Planejar e Executar
4) Sorrir e Chorar
5) Amar
6) Sentir
7) Emagrecer

7 prazeres fúteis:
1) Jogar Banco imobiliário, War, Imagem e Ação
2) Saber fofocas de famosos
3) Torcer enlouquecida para o Grêmio (como se aqueles "nabas" me dessem alguma coisa)
4) Ler minha coleção da Turma da Mônica
5) Fazer Tricot.
6) Passear no shopping, nem que seja só para ver vitrine
7) Brincar comigo mesmo tipo... Se aquela árvore se mexer tal coisa vai acontecer... (eu sou uma doente, confesso.)

7 coisas que mais digo:
1) Bah!
2) Capaz...
3) Tu tá brincando!
4) Afe!
5) Sou parceira!
6) Seguinte
7) Ah! Pára...

7 coisas que faço bem:
1) Bolos
2) Cálculos de cabeça
3) Mímica
4) Leitura dinâmica (tá, eu fiz um Workshop!)
5) Pensar rápido.
6) Fazer as pessoas rirem
7) Apresentar trabalho oral

7 coisas que eu não faço:
1) Comer amendoim
2) Levantar na hora que o despertador toca.
3) Andar sem relógio ou sem agenda
4) Compras no supermercado sem calculadora
5) Exercício sem escutar música
6) Dormir sem meia (mesmo no verão)
7) Deixar meus sonhos para trás.

7 coisas que me encantam:
1) Viver
2) Minha Mãe.
3) Intimidade
4) Ver o mozi dormindo, concentrado ou disfarçando uma surpresa
5) Pessoas
6) Pôr do sol no Gasômetro, Lua cheia, arco íris, estrela cadente e noite bem estrelada.
7) As amizades que fiz através deste blog.

7 coisas que eu odeio:
1) Mentira
2) Indiferença
3) Insegurança
4) Acordar Cedo
5) Relações superficias
6) Perder (eu sei perder, mas odeio)
7) Sentimento de impotência

7 pessoas que devem responder a esse questionário, a não ser que queiram ser perseguidas pelo sene novamente:Além das que já foram citadas,
1) Amy Barbie
2) Zephir
3) Miss Aninhas
4) Sophia (Da-lhe Grêmio amanhã Amiga!!)
5) Camila
6) Aninha
7) Menina Sem Nome

Beijo Lindas!!
domingo, 17 de junho de 2007
"...PLANO SEMANA LIGTH..."
Oi, Lindas!!!
Como foram com o Findi Coca Ligth? Conseguiram se conter?
Sabe, essa máxima me perseguiu o tempo inteiro. Eu ficava pesando no quanto eu queria chegar aqui e dizer pra vocês que merecia “Um Forte Aplauso!”. Até acho que me controlei bastante.
Apesar de ter tomado mais alguns líquidos além de coca ligth e de ter distribuido amor por msg de madrugada e por msn com certas pessoas, leia-se: Ana Blues (Dark Blues, again!) Indh (e sua mamãe curiosa), Insane (com seus contatos valiosos e a dica da escola de atores do Thinspo Rocky!!) e Pamela (me caluniando pelos blogs dizendo que por estar Dark eu n conseguia nem digitar.Que mentira!Eu tenho dislexia e aquele dia eu só tinha bebido água... Hhahahahhuahaaah!)
Eu ia me pesar este findi, mas decidi que não. Acho que emagreci, minhas calças estão mais larguinhas, mas sei lá. Quando penso assim e a balança me cospe que continuo na mesma acabo me desmotivando. Então não! Nada de desmotivação agora! A luta continua companheiras.
Ontem eu e o Mozi fizemos aniversário de 3 anos e 10 meses juntos. Ele me levou pra almoçar em um Restaurante Arabe. A pedida foi uma Salada Fatouch e Frango Temperado com Zátar. Não sei quantas calorias tinha, mas me pareceu ser bem levinho.
O martírio mesmo foi ter que encarar o meu presente, uma caixa de Trufas de Chocolate, sem demonstrar o meu desespero. Afe! Maldito gosto por chocolate, isso tem de acabar!
Para esta semana sigo com o “Espírito Coca Ligth” aliado a NF e LF. Aliás, estou de NF desde o almoço de ontem, vamos ver até onde vai... Me abasteci com pães, iogurtes e sopas anoréxicas para me manter viva... Mas pretendo ficar no NF Forte, que é mais seguro.
O bom é que as próximas 2 semanas vão ser bem puxadas. Semana de provas, entregas de trabalho, apresentações e o escambal. Vou aproveitar para me entregar a compulsão! Sim! Vou estudar até fundir meu cérebro. Esta compulsão eu não vou querer (e nem posso) evitar.
Ah! Antes de acabar... Um passarinho chamado Lovely me contou de um “LFC 350”!! Siiiimmm, parece q começa na quarta-feira agora!! Yeaahhh!!! PERFECT!!!! Vamos todas nos agilizar e conferir as regras depois lá no blog dela!!


P.S : Indh, depois respondo seu questionário, eu que não quero a maldição do Sene Tea, again (afe!)


Meninas um ótimo início de semana pra todas vocês.

Sintam-se aplaudidas quem conseguiu, não conseguiu mas pelo menos tentou ter um Findi Coca Light. Essa é a idéia!

Um beijão, queridas!

quarta-feira, 13 de junho de 2007
"... FINDI COCA LIGHT... "
Estava na minha aula de Marketing ontem e o meu professor fez uma análise da campanha publicitária da Coca Cola Light. Aquela do "Levante a mão”, sabem?
Então. Segundo ele, esta propaganda, faz parte da campanha "A vida é você quem faz", a qual traz filmes que estimulam as pessoas a assumir novos rumos sem se aprisionar pela inércia do dia-a-dia, pela opinião dos outros ou pela falta de iniciativa. O ato de "Levantar a mão", neste caso, significa " Surpreender", ter uma "Mudança de Atitude"!
Tá. Agora pensem comigo:
“Levante a mão aquela que já passou a semana inteira controladinha e se AUTO-SABOTOU no FINDI?”
“Levante a mão aquela que prometeu que este FINDI ía ser diferente, mas não conseguiu cumprir e sofreu com cólicas de domingo pra segunda?
“Levante a mão aquela que jurou que iria controlar a compulsão, mas acabou caindo de boca no churrasco de domingo?”
“Levante a mão aquela que PERDEU alguns quilos pelo esforço e controle durante a semana e os ACHOU novamente no meio daquela dúzia pastel de Frango?”
Sim.
Volta e meia eu reclamo e vejo vocês também reclamarem do tal do "FINDI".
Passamos em paz com a conciência e com a balança durante a semana, mas basta se aproximar a sexta feira para as nossas perninhas bambearem, o coração acelerar, e a falta de controle nos sabotar estúpidamente.
Então tá. Por essas e outras eu digo: BASTA!
Siiimmmm!!!
Vamos "Mudar de Atitude"! Vamos seguir o exemplo da propaganda da nossa bebida mor. Vamos lutar por um "FINDI COCA COLA LIGHT".
Ao invés de chegarmos na segunda feira com aquela cara de cachorro que lambeu graxa, pensando: "Hoje é dia de recomeçar" Vamos mudar o CD ou Ipod para " Yeah...Hoje é dia de continuar, baby!"
Chega de AUTO-SABOTAGEM! Sejamos fortes que nem o nosso novo thinspo "Rocky Balboa"!
Vamos chegar na segunda feira e nos dar UM FORTE APLAUSO por termos conseguido manter a risca nossas metas durante o final de semana:
"Um forte aplauso para quem não apenas disse que iria se controlar, mas de fato assim fez!!!
"Vamos aplaudir aquela que conseguiu evitar a compulsão.
"Um aplauso para que não deixou de aproveitar a companhia dos amigos, familiares, festas com montes de guloseimas gostosas, mas ainda assim soube não cair de boca"
"Um forte aplauso para aquele que se divertiu pra caramba, tomou várias e de vários tipos, e mesmo assim não caiu na lástima do "Não to bem... Vou comer uma coisinha pra ficar melhor "
"Um aplauso para aquele que decidiu que FINDI não é sinônimo de BOICOTE! E sim, sinônimo de KEEP GOING!!!!!"
Agora um aplauso... o maior dos aplausos... a todos os que dizem Basta! Eu vou mudar de atitude, vou surpreender:
Eu quero um FINDI COCA COLA LIGHT!!!

Haauuuaahaahuhuauhahuahuahuhuahuauhhuauhauh!!!!

Alguém toma esta comigo?



Meninas bom findi pra vocês!

terça-feira, 12 de junho de 2007
"... CVP ..."
Então ok.
O feriado passou e eu estou de volta ao mundo real. Tô começando a semana hoje porque peguei uma peste do caramba. Peste que refletiu minhas estripulias no feriado, que não foram poucas.
Feriado útil, diga-se de passagem.
E quando eu digo útil, digo não só porque coloquei todos os meus trabalhos da faculdade em dia, porque trabalhei um pouco pra me ver livre de alguns pepinos, porque limpei a casa e porque fui fazer rancho (baita programão!).
Digo útil porque eu aproveitei. E fiz questão disso. Aproveitei o tempo inteiro, todos os minutos.
Quando eu torci pelo meu time na quarta feira (da-lhe Grêmio na final da Libertadores) eu torci até quase ter um infarte (baita jogão!). Quando eu saí pra dançar eu dancei até o chão, como se John Travolta fosse. Quando eu cantei no videokê, eu cantei até Indh, digo, Ney Mato Grosso (Afe Indh! Vinho de caixa de 2 real, baby O_O ?! Que história eh essa? hehe, te adoro miga!). Quando eu joguei sinuca eu joguei todas as minhas fichas, ganhei, tirei onda, perdi e paguei as mais bizarras apostas. Quando caí na piscina eu, anestesiada, entrei de ponta, mergulhei fundo, dei caldinho e fiz parada de mão.
E como não deveria deixar de faltar, quando eu bebi... Há! Fala sério!
Tá, tudo bem que a minha indiada não chegou nem aos pés da nossa Lady Insane “Dark” (Desculpe pelo roubo da batida de côco, anjo... "Ana Boa é Ana Bêbada?", há! Mas, que barbaridade!!! Vc e a Tarsie são demais mesmo! heheheheh!...). Também tive meus momentos de cafonice, riso, amor, lágrimas, e chocolatinho pra glicose. Quem bebe sabe do que eu to falando.
A real é que no meio dessa loucurada toda que foi meu feriado eis que me deu um estalo. Uma frase ecoou fundo na minha mente e me fez despertar desse pesadelo que eu já vivia há alguns dias.
Um amigo, já mais “Dark” que eu, me olhou no olho e disse, entre soluços:
“Sabe o que eu mais admiro em ti? O teu CVP!”
O_O.
“CVP amigo, o que ser isso, eu não falar seu língua?”
“Coeficiente de Viração Própria”
Hahhahahahahahahhahahahha! (Fala sério, papo de bêbado é dose!)
“Tu tens a capacidade e a iniciativa de se virar sozinha com os teus problemas, de se reerguer do nada, apesar de não enxergar e nem acreditar nisso”.
Sim, obvio que depois dessa eu me abracei no pobre e disse: “Bah, tu sabe que eu te amo!” Frase clássica de final de festa!
E voltei pra casa pensando que é bem isso aí.
Vou me levantar, aliás preciso!
Estes dias tem sido meio complicados pra mim porque tenho me deparado com comportamentos meus que estão me confundindo, me assustando. Quando tiver coragem, conto pra vocês.
Eu sei que sou dona de fazer psicologia barata e de pára-choque comigo mesma. Mas a real é que isso não leva a nada. Até leva, leva ao fundo do meu poço. E não é isso que eu quero pra mim.
Como diz minha amiga, e filósofa Aninha Blues (Saudade Miga!): Antes de um grande salto é preciso dar uma corridinha pra trás.
A menina mudou, ok. Essa é a minha nova realidade. Vamos se adaptar a ela então e bola ao centro. Já que tenho CVP, vou usa-lo ao meu favor.

Ps: Feliz dia dos Namors, flores!! Vamo aproveitá hoje pra gastar bastante caloria!! (risos!)

DOCE ANA, CADÊ VOCÊ??????

Meninas, obrigada pela força, puxões de orelhas e comentários!

Adoro todas você.


Um baita beijo!

quarta-feira, 6 de junho de 2007
"... ERA UMA VEZ A MENINA QUE NÃO MAIS É ..."
Era uma vez uma menina que amava a intensidade. Que queria tudo, e queria sempre mais. Ela não sabia viver meios-termos, alimentava-se de extremos e só assim sabia entregar-se.
Era uma vez uma menina que desvendava os sentimentos e os sorvia até a última gota. Ela chorava todas as suas lágrimas sem medo, e ria todo o seu riso sem pudor e sem cerimônia.
Era uma vez uma menina que se sentia atraída pelos dias que estavam por vir, pelas horas repletas de novidade, ela sentia o sabor das coisas de uma forma muito entusiasmada. Secretamente, ela sabia que o seu pensamento era livre, que dentro do seu pensamento ninguém poderia lhe achar. Então, perdia horas perdida dentro de si mesma.
Era uma vez uma menina que não contava os anos. Apenas as experiências. E em meio a todas as experiencias ela se descobriu incomum, diferente. Ela era várias meninas. Menina romântica, doce, visceral, caótica, ápera, virginal. Todas em uma só, todas unidas por uma mesmo objetivo.
Só que quando eu disse era, quis dizer que não é mais.
Esta menina, que antes era tão intensa e impetuosa, agora já não se reconhece no espelho. Está passando pelos dias apenas a respirar. Conta as horas para adormecer e sonha em parar o tempo para não ter de acordar.
Talvez ela esteja com receio de ter ido longe demais desta vez. Esteja preparando a sua defesa, caso alguma coisa não saia como esperado. Talvez, na verdade ela esteja em alta velocidade, e não saiba bem se quer ir adiante. Ela só sabe que não tem mais opção. Antes tinha, agora não. Nem que queira, não consegue mais parar esse trem.
Talvez ela esteja vivendo demais de passado, tentando demais planejar seu futuro e esteja esquecendo de viver seu presente, que é onde a vida acontece.
Talvez ela esteja querendo responder suas próprias perguntas, aplacar sua própria demência, entender sua própria confusão, ser o antídoto e o veneno ao mesmo tempo.
Talvez, não sei.
O fato é que a menina que uma vez era, hoje já não mais é.
As tintas da sua aquarela, antes tão vivas, agora variam em tons de cinza complementares ao giz e ao carvão com os quais passou a desenhar o seu futuro.
No fundo ela sabe que quer tentar mais uma vez. Talvez ela tente. Mas se nada de realmente diferente a despertar por completo, as coisas vão ser assim:
A menina que antes não era agora vai ser. Mesmo que no fundo ainda seja exatamente como sempre foi.
segunda-feira, 4 de junho de 2007
MALDIÇÃO!
Já que fui amaldicoada né... Segue aí, então...
1° Nome completo: Anna.Dark (hehehe!)
2° Apelidos: Dark , Sherloc Dark e Dark Holmes (carinhosamente posto pela Lady Insane!)
3° Cor favorita: Violeta
4° Time: Grêmio (Vamo time!)
5° Data de aniversário: 20 de fevereiro
6°Onde Mora: Sou gaúcha.
7°Programa de TV favorito: Não costumo muito assistir TV. Mas quando assisto gosto muito de ver filmes e seriados.
8° O que você tem no mouse pad: Mouse pad? Cadê meu mouse pad?
9°Cheiros favoritos: De banho, de gasolina, de perfume masculino, de terra molhada, de café passado.
10° Pior sentimento do mundo: A inveja é uma merda
11° Melhor sentimento do mundo: Amor (concordo com Indh e Lady Insane) de amigos, de família, incondicinal.
12° Dois defeitos seus: Sou Workaholic e extremista
13° Duas qualidades: Ironia e jogo de cintura (Já me safei de cada uma com isso...)
14° Qual a primeira coisa que você pensa quando acorda pela manhã: Puta merda, atrasada de novo!
15° É romântico? Sou até demais. Mas me permito demonstrar apenas a poucas pessoas. Exceto quando estou Dark, porque aí eu amo todo mundo! Huhuahuhauhaauh!!
16° Montanha russa: assustadora ou excitante? Os dois.
17°Caneta ou lápis? Teclado.
18° Quantos toques antes de atender o telefone; O mínimo possível. OH! barulho que me irrita é telefone tocar...
19° É amigo do telefone ou só usa quando necessário? Estou sempre no telefone, trabalho com ele, pra mim é necessário.
20° Comida favorita: Hahahahahahahahahahahhahahahaah!!!!!!
21° Você se dá bem com seus pais: Já me dei melhor.
22° Quem você tem como irmão: Meus irmãos por parte de pai. Não são irmãos de sangue, mas são como se fossem.
23° Namorar ou ficar? Namorar e casar.
24° Você tem muitos amigos? Tenho muitos amigos de mesa de bar, amigos de chima no Brick, amigos de festa. Mas amigos meeesmo posso contar nos dedos de uma mão. Ah! Agora tenho também amigas virtuais, estas enchem uma mão inteira.
25° Se você tem, como se sente rodeado por eles? Indescritivelmente bem!
26° O que você mais gosta de fazer? Gosto de uma bocado de coisas, desde coisas mais elaboradas como um final de semana chique em Gramado, como sentar na calçada da rua pra tomar chimarrão com os amigos.
27° Chocolate ou baunilha? C-H-O-C-O-L-A-T-E!
28° Sorvete preferido: Flocos.
29° Torrada ou bacon? Pulo essa.
30° De quem você sente saudades?Minha avó que infelizmente faleceu.
31° Sente medo?Sinto. Mas finjo que não sinto e as vezes até acredito nisso.
32° Quem você levaria para uma ilha deserta?Bahhhhh.... Aih ferrou! Pode ser o Rodrigo Santoro ? Afe! Que o Mozi não leia isso!
33° Qual seu signo zodiacal? Peixes. Quantidade de pisciana por aí , neh?
34° Qual seu poeta favorito? Também como a Indh, não gosto muito de poesias. Escritora: Martha Medeiros.
35° Qual sua bebida favorita? Heheheheh! Ceva!
36° Para tingir seu cabelo de uma cor, qual seria? Preto.
37° O que tem nas paredes de seu quarto? Espelhos, prateleiras e mural de fotos.
38° O que tem debaixo da sua cama? Nada. É cama box.
39° Qual seu número favorito? 2002
40° Noite ou dia? Noite!
41° Qual é o carro dos seus sonhos? Quero muito ter um Fox. E ser igual a Ana Hickman pra sair dele. (risos!)
42° Esporte favorito: Vôlei!
43° Um grande amor da sua vida? O Mozi!
44° Está apaixonada no momento? Apaixonada não mais. Estou amando mesmo.
45° Está sendo correspondido? Sim, todos os dias!
46° Vale a pena amar? Claro que vale
47° O que você estava ouvindo enquanto respondia este questionário? O telefone tocar, o fax chegar, a minha sócia reclamar de frio, a minha colega de trabalho espirrar, os carros passarem, o interfone tocar....
48° Melhor beijo? Aquele dado depois de uma briga, aquele dado de surpresa, aquele esperado e imaginado por muito tempo, aquele depois de alguns copos de vinho, aquele apaixonado, aquele de conforto, caraca eu adoro beijar...
49° Menino ou menina que você mais amou na vida: Menina: Minha melhor amiga Menino: O Mozi.

As pessoas amaldiçoadas são:

Ana Blues (estou amaldiçoando de novo miga, a indh e a insane já te amaldiçoaram primeiro!)
Pink Rose - Se tiver um tempinho... :o)
Miss Bones (que eu sei que gosta de questionários)
Pâmela (Amiga, apareça pra dar notícias)
Lovely (Para responder utilizando o seu novo notebook!)
Camila ( te adicionei no msn, assim que tiver um tempinho entro pra papearmos)
Sophia (Vamo grêmio!)
Vic (E aih, hein? Atualize, anjooo!)
Doce Ana (SIM! Eu a amaldicôoo de novo!!!)
P.S Indh (Já amaldiçoada, mas mesmo assim eu amaldiçôo, pq não me amaldiçoou! Haauahahuhahuhuahahuahu!!!!)


Bjos!!!!
"... ENTÃO..."
O final de semana se deu.
A Família atuou como o esperado, a Anna Dark atuou como o ensaiado. Tudo Graças a Poliana” e o seu “Jogo do Contente”, que estiveram presentes comigo o tempo inteiro.
Fiz quatro refeições durante a viagem: Almoço e janta de sábado. Café da manhã e almoço de domingo. Todas, friamente calculadas e espertamente sabotadas.
OK! Certamente comi bem mais do que planejei comer. Mas nada do que alguns (no plural) 46, e algumas cólicas maldosas não tenham, ao menos, amenizado o problema.
Utilizei muito a “Dieta da Cabeça”: Quando alguém vinha me oferecer alguma coisa, eu balançava a cabeça para um lado e para o outro, dizendo: Não, muito obrigado. E assim me safava da comida.
Fiz também EXERCÍCIOS!! E fiz meus pais os fazerem comigo! Siiiiiiimmmm !!!! Mesmo com o frio, eles desceram E SUBIRAM nada mais, nada menos do que 927 degraus no Parque Caracol (equivalente a um prédio de 63 andares, quem conhece o parque em Canela/RS sabe...) para chegar na base da cachoeira! Esforço que valeu mais para gastar e aliviar a consciência das calorias ingeridas do que pra admirar a beleza da cascata.
Surpreendi-me, também. E digo: Positivamente!
Minha mãe me disse que come menos quando está comigo. Ela disse que a faço pensar antes de comer, disse que a faço conseguir identificar onde acaba a fome e começa a gula.
Fato interessante! Posto que, parte do meu distúrbio alimentar provém da minha mãe. Ela tem o chamado efeito sanfona, não consegue manter o peso. Atualmente, ela está na fase do engorda, e disse querer emagrecer. Eu bem sei e sempre acompanhei que seus métodos para tanto são os menos saudáveis possíveis. Métodos que, talvez, me servem de inspiração para o meu atual comportamento alimentar. Freud explica.
Com a minha Cuia (de chimarrão) carinhosamente apelidada de “Cuia da Amizade”, eu conheci um Enólogo (apreciador e especialista em vinhos). Conversamos bastante. Conversa vai, conversa vem, ele me indicou algumas casas boas para degustação. Siiiiiiiiimmm... Eu, serra, frio (três graus!), vinhos, queijos, chocolates DE GRÁTIS!!! Que beleeeeeeeza...!!!!!
A Dark (fazendo o papel de anjinho mal) saiu no lucro!! Os vinhos, de variados tipos (mas sempre secos!), foram os meus companheiros!! Nooosssa !!! A boca saiu roxinha, e a Anna Dark saiu tortinha (risos)!
Girls, eu aproveitei!
Aproveitei como não havia planejado, mas secretamente como havia desejado.
Aproveitei a companhia dos meus pais. Aproveitei para tirar fotos. Aproveitei para terminar meu livro da faculdade e para atualizar as planilhas do meu trabalho (Oh! Notebook que não me larga!).
Ah! Aproveitei também os preços das malhas de lã e dos casacos de couros: Vou ter que me virar em duas para, este mês, não pagar o mínimo do cartão de crédito.
Claro que na minha loucura também aproveitei para fazer planos alimentares que não (DEFINITIVAMENTE NÃO) incluem muitas das coisas que tive contato nesta viagem. Mas que servirão para amenizar e anular a culpa por ter relaxado e curtido sem maiores neuras a companhia da minha “Família Trapo”.


Um beijo grande pra todas vocês!


Tenhamos uma ótima semana!

sexta-feira, 1 de junho de 2007
ANNA DARK EM VERSÃO POLIANA
Estou há não menos do que 27 horas acordada a baixo de café e cigarro. Saudável? Não, obvio. Mas também que seja. Estou fisica e metalmente abalada com a quantidade de coisa errada que aconteceu comigo esta semana, ter saúde nesta hora seria como ganhar na mega sena.
Em relação o Projeto Afrodite deixo aqui os meus mais sinceros parabéns a todas as meninas que seguem firme. Apesar da briga séria entre comida, culpa e metabolismo acelerado, espero que assim continuem. Para muitas podem e já está dando resultado, para mim não.
A balança (que marca 46,1kg) as roupas (que estão mais larguinhas) estão me apontado que fazendo tudo certinho, pude sim obter resultados benéficos. Mas a culpa por estar comendo estavam me maltratando legal. Resultado disso? Laxantes além da conta que mais serviam para eliminar o peso na consciência do que o meu peso propriamente dito.
Aí se cria o dilema: Mesmo com culpa na consciência por comer, eu emagreci. Não muito, mas emagreci. Porque estou desistindo do projeto, não era isso o que eu queria? Respondo que já nem sei mais o que eu quero. E também não vai ser nesta semana que vou saber.
Neste final de semana a família alugou um sobrado na serra para comemorar o aniversário da minha mãe. Lindo não? Sim! Lindo. Amo demais estar com todos eles. Mas em contraponto tem todas aquelas estúpidas pressões familiares que nos agridem pra caramba.
Projetando tudo isso, acabei fazendo uns NF`s por conta própria (juro, foi como me sentir viva de novo, por mais mórbido que ficar sem comer seja). Vejam só: Passei toda esta semana projetando meu final de semana.
Sim, é assim que passo os meus dias. Muito antes de ter de comer eu já projeto o quanto devo ficar sem comer, o quanto de laxantes vou ter de tomar, quantas colheres de chá verde eu vou adicionar, quantos exercícios eu vou precisar fazer. Estúpido? Não. Eu diria real. Pelos menos pra mim. Digamos que eu sou uma pessoa assim, prevenida, para não dizer doente.
A real mesmo é que eu to cansada de um bocado de coisa. To com uma caixinha de problemas que não consigo resolver porque o maior problema sou eu mesmo. Pensei em desisitir de tudo, mas antes de eu desisitir de tudo tenho de desisitir de mim. E eu não tenho tempo e nem saco pra isso.
Eu tinha tudo para chegar aqui no blog e só me lamentar pra vocês, mas decidi que não. Vou dar uma de esperta e seguir o exemplo da minha amiga, e filósofa Poliana, encarar os percalços de maneira positiva: “TUDO BEM!”.
Sorrisinho automático no rosto, maquiagem para esconder as olheiras por não dormir, e um pacote de ironia para mais um dia cumprir meu papel de boa samaritana. Não posso pestanejar e nem dar pra trás agora. É o que tenho pra mim, pelo menos neste momento.

Meninas, bom final de semana.

About Me
Pegue o seu no Templates by Maximus
Nome: Anna Dark
Idade: 23
Altura: 1,62
Já Pesei: 69kg
Peso Atual: ?
Meta: 47kg

PERFIL

Previous Post
Archives
Links
Documentário
Diário de uma Anoréxica
Thin
Distorção da Própia Imagem
Reportagem Anorexia
SITES PRO-ANA
CALCULE SEU IMC

    Calculadora IMC
    Peso: kgs
    Altura: m cm
    Dieta e Saude
    IMC Classificação
    - de 20 Abaixo do Peso
    20 a 25 Peso Ideal
    25 a 30 Sobrepeso
    30 a 35 Obesidade Moderada
    35 a 40 Obesidade Severa
    40 a 50 Obesidade Mórbida + de 50 Super Obesidade
CALCULE SEU PESO IDEAL

    Calculadora Peso Ideal
    Sexo: masc
    fem
    Altura: m cm
    Dieta e Saude
VISITAS
    visitas
    Free counter and web stats